A comercialização de bolos dos mais variados tipos tem sido uma oportunidade de empreendedorismo para muita gente. Sejam bolos confeitados ou simples, mais conhecidos como bolos caseiros, eles já conquistaram um público que não abre mão da variedade, do sabor e da praticidade. Por isso, ao investir nesse modelo de negócio, é preciso pensar em capacidade de produção, e isso exige um forno industrial para bolo.

De um modo geral, este é um tipo de negócio bastante descomplicado. Porém, seu sucesso depende não apenas da qualidade do produto, mas também de conseguir atender à demanda. Isso significa produzir um volume grande de bolos com o mesmo tamanho, textura, sabor e aparência. Ou seja, com a mesma qualidade!

É nesse ponto que investir em um bom forno industrial faz toda a diferença. Essa, porém, é uma escolha que depende de muitos fatores. Continue lendo e conheça as melhores dicas para saber qual a opção certa para você.

Leia também:
Expansão de docerias: empreendedor monta 3 casas de bolos em 4 anos
6 segredos para o sucesso de docerias e confeitarias

Pontos a considerar na hora da escolha

Aqui estão alguns pontos que você deve observar e analisar de acordo com as necessidades do seu negócio:

  • Capacidade – é preciso avaliar a capacidade imediata de produção do forno e seu potencial da expansão. Avalie se ele atende à sua necessidade no momento e também a um crescimento na demanda. Assim você evita de ter que comprar outro em tão pouco tempo. Da mesma forma, não invista em algo com capacidade muito além, pois pode ficar muito tempo com essa capacidade ociosa.
  • Suporte do fabricante – pesquise sobre como funciona o suporte técnico do fabricante. É preciso ter a segurança de contar com assistência no caso de algum defeito interferir na sua produção.
  • Manuseio e limpeza – confira se o modelo se adéqua ao seu espaço, se oferece facilidade de manuseio e também de limpeza.
  • Economia – esse é um ponto importante para qualquer empreendimento. Na hora de avaliar, não deixe calcular o consumo de energia, seja com o forno a gás ou com o elétrico.

Forno a gás ou elétrico?

Essa é uma dúvida que pode surgir diante das opções disponíveis no mercado. Para escolher, é preciso considerar alguns aspectos.

Quando se trata de economia, o forno a gás tem melhor desempenho. Ele costuma ser mais eficiente no consumo energético, com mais rendimento e, por isso, custo otimizado.

Já o forno elétrico apresenta maior rapidez de preparo, mas consome muita energia e pode afetar os custos no final.

Tipos de forno industrial para bolo

Há dois tipos de fornos industriais que se destacam no mercado. São eles:

  • Forno de convecção – possui uma câmara com turbina que acelera a circulação do calor no seu interior. Ele trabalha com temperaturas que vão de 50 ºC a 280 ºC. Além da rapidez no preparo de bolos, também apresenta desempenho na uniformidade da distribuição do calor;
  • Forno de lastro – possui um sistema de aquecimento de cima para baixo. Sua bandeja é apoiada em pedras para distribuição do calor. Ele é modular, com câmaras independentes, que podem ser empilhadas em até cinco unidades. Assim, é possível que se invista em uma câmara e depois seja ampliado de acordo com o crescimento da demanda. Atinge temperatura de 350 ºC.