Saber usar o marketing digital se tornou fundamental para estabelecimentos de food service. As ferramentas, que já eram muito relevantes, ganharam ainda mais importância neste momento, quando restaurantes precisaram se adaptar para conseguir atrair clientes.

Por esse motivo, Marketing digital para negócios de alimentação foi o tema do workshop realizado por Matheus Lessa em parceria com a Ultragaz. No encontro, Matheus – que é consultor e palestrante, fundador do canal Domine seu Restaurante e embaixador da Fispal Food Service – trouxe informações práticas para ajudar os negócios de alimentação fora do lar a utilizar as ferramentas digitais de forma efetiva.

O workshop, realizado no dia 5 de outubro, foi a primeira ação da parceria entre a Ultragaz e Matheus Lessa.

Clique aqui e confira o vídeo completo do workshop.

Matheus destacou que o marketing digital tem papel fundamental para atrair e fidelizar clientes. Para isso, é necessário criar relacionamento e gerar experiências com a marca.

“Existem três níveis emocionais de experiência. O primeiro é com o produto ou serviço oferecido. O segundo, mais amplo, considera também o local, a embalagem e como você envelopa a entrega. O terceiro nível, e mais poderoso, é quando você faz tudo isso associado à sua marca”, afirmou.

Redes sociais = vitrines virtuais

Matheus destacou que o marketing tem o objetivo de conhecer melhor seu público-alvo e, a partir disso, criar estratégias para chamar a atenção e conquistá-lo. 

Na pandemia, a disputa de mercado que acontecia nas ruas e nos corredores de shopping centers passou a ocorrer integralmente na internet. Com isso, da mesma forma que um lojista cuida da vitrine de seu estabelecimento físico, é fundamental ter cuidado com as vitrines virtuais, que são redes sociais como Facebook e Instagram, Google Meu Negócio e aplicativos de avaliação como Trip Advisor.

Ele trouxe exemplos de uma vitrine no Instagram, rede que ele considera importante por ser muito utilizada pelos clientes de restaurantes. Além de dicas para a construção do perfil de forma a valorizar a marca, sugeriu ferramentas para gerar engajamento e aplicativos úteis para produzir imagens e vídeos.

Estratégias segmentadas

Matheus apontou também os principais erros que prejudicam as vendas: seu público não conhecer você, não saber se relacionar com o cliente e usar desconto para atrair cliente por não ter uma estratégia de venda. A partir disso, mostrou como é preciso desenvolver estratégias específicas para diferentes perfis de público.

Para o chamado público “frio”, que não conhece o negócio, a estratégia para as redes sociais deve ser a de posicionamento de marca, chamar a atenção para criar conexão. Para o público “morno”, que já teve contato com a marca, o objetivo deve ser convertê-lo em cliente. Para isso, vale oferecer brindes para grupos limitados, como, por exemplo, uma sobremesa específica para os primeiros que entrarem em contato.

Já para o público “quente”, a estratégia passa a ser fidelizar, oferecendo ofertas exclusivas a clientes. Ele sugere que o estabelecimento tenha um calendário de eventos não apenas para datas comemorativas já existentes, mas também criando ações que movimentem a marca entre seu público-alvo.

No final do workshop, Matheus trouxe exemplos de ações que podem ser desenvolvidas e tirou dúvidas dos participantes de diferentes perfis de estabelecimentos de food service.

Nos próximos meses, serão realizadas outras ações da parceria entre a Ultragaz e Matheus Lessa, incluindo novos workshops e lives no Instagram e a divulgação de materiais exclusivos. Siga a @ultragazoficial no Instagram e acompanhe as novidades!